sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Os Miseráveis



Este foi o primeiro filme vi no cinema este ano e está excelente. "Os Miseráveis" (título nacional) tem uma história tensa e avassaladora, tem um excelente elenco e é um dos melhores musicais que vi nos últimos tempos. Obriga-nos pensar, faz-nos cantarolar as suas músicas e oferece-nos um misto de emoções e sentimentos.

Arrebatou-me por completo devido à sua poderosa história, por causa das grandes músicas cantadas e por quase me ter feito chorar e raros filmes me fazem isso. "Les Misérables" (título original) passa-se em França no século XIX e conta uma história de sonhos desfeitos, paixão, luta, sacrífico e procura da liberdade.

O filme mostra-nos várias fases da vida de Jean Valjean, personagem interpretada por Hugh Jackman, que tem aqui um desempenho excelente. Russell Crowe como o temível Javert e Anne Hathaway como Fantine são outras das distintas personagens de "Os Miseráveis". Por seu lado, Amanda Seyfried e Helena Bonham Carter continuam perfeitas como sempre. E ainda as surpresas que o elenco me ofereceu: Samantha Barks é deveras talentosa, Sacha Baron Cohen mostra que não vive apenas de filmes de comédia e surpreendeu-me com o seu papel, Eddie Redmayne como Marius foi também uma surpresa e Daniel Huttlestone está perfeito como Gavroche. Isabelle Allen como Cosette enquanto nova está magistral e também gostei de ver Natalya Angel Wallace, Aaron Tveit, Fra Free, George Bladgen e Colm Wilkinson no elenco.

Esta película está repleta de boas vozes e boas canções, algumas completamente arrepiantes como é o caso de "I Dreamed A Dream", cuja performance de Anne Hathaway me tocou profundamente no coração. "On My Own", "Do You Hear the People Sing", "Empty Chairs At Empty Tables" e "The Final Batle" são também perfeitas melodias, este filme é sem dúvida ótimo. "Les Miserábles" tem uma das melhores bandas sonoras que já ouvi, pois é fantástica.

"Les Miserábles" está magistral e é baseado numa das principais obras de Victor Hugo, que confesso não ter lido mas que está na minha lista de livros a ler. Uma história sobre a humanidade e a liberdade, sobre religião, pobreza e riqueza, é um filme que nos mostra vários lados do mesmo mundo. Uma das morais do filme, a meu ver, é que a vida tem muitas surpresas e nem sempre são boas, põe à vista um mundo em mudança e para tal proporciona-nos várias histórias dentro da grande história.

"Os Miseráveis" é um filme de 2012, realizado por Tom Hooper ("O Discurso do Rei") e com argumento de William Nicholson. Este filme estreado em Portugal a 03 de janeiro de 2013 está nomeado a oito Óscars: Melhor Filme (uma justa nomeação no meu ponto de vista), Melhor Ator Principal para Hugh Jackman, que acho merecidíssimo, Melhor Atriz Secundária para a excelente Anne Hathaway, Melhor Guarda-roupa para Paco Delgado, Melhor Maquilhagem e Cabelo para Lisa Westcott e Julie Dartnell, Melhor Canção Original por "Suddenly", Melhor Design de Produção e Melhor Mistura de Som.

"Os Miseráveis" não é um filme fácil de se ver, mas é daqueles que ficam para a história e nos fazem pensar nele durante dias e talvez tentar cantarolar algumas músicas deste. Apesar de "Les Miserábles" ser quase perfeito, tem pequenas falhas e uma das que aponto é que alguns diálogos cantados eram desnecessários. O filme demonstra também a morte como uma libertação, pois o nosso corpo fica livre deste mundo. A última cena em que Anne Hathaway entra é de arrepiar, já as últimas sequências de Russell Crowe e Hugh Jackman estão também muito boas.

"A liberdade é uma pupila. A liberdade é o órgão visual do progresso", Victor Hugo. "Os Miseráveis" é um filme a não perder, aconselho vivamente. Sentimental, intenso, magistral, perfeito e arrepiante, é um filme cinco estrelas, vejam. Acredito que vai ficar para a história e que daqui a alguns anos vai ser um clássico, amei este filme.



5*

4 comentários:

  1. Gostei muito da crítica e concordo com o que foi dito.
    Quanto às nomeações aos Óscares, foram todas merecidas, mas eu acho que aquelas em que tem mais hipóteses é na categoria de Melhor Ator, Atriz e Guarda Roupa, nas de som também mas não aposto tanto nessas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa tarde Rodrigo, antes de mais obrigado pelo seu comentário. Na categoria de Atriz penso que tenha mais hipóteses, mas em filme não se sabe pois há vários e pode haver alguma surpresa.

      Eliminar
  2. Anne Hathaway está nomeada para "Melhor Actriz Secundária" como é óbvio

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ups, muito obrigado Sofia vou já corrigir. Anne Hathaway merece a nomeação e foi uma justa vencedora do Globo de Ouro.

      Eliminar