segunda-feira, 9 de setembro de 2013

A Gaiola Dourada



Apesar de já ter visto "A Gaiola Dourada" há uns bons dias só agora é que consegui colocar aqui a análise a este filme que, a meu ver, merece ser visto pois adorei.

"La Cage Dorée" está excelente, tendo uma história que mistura perfeitamente comédia e algum drama. O seu argumento está bastante bem conseguido e é tão natural, o que é bom pois torna a história mais realista.

Apesar de a história ter vários clichés e alguns estereótipos estes são necessários, o que não significa que o filme tenha uma menor qualidade.

Adorei o cameo no final, a música cantada na cena passada na casa de fados e a sequência do jantar. Também gostei bastante das variadas cenas cómicas presentes ao longo do filme, recomendo vivamente que o vejam.

"La Cage Dorée" tem uma história sobre emigrantes portugueses em França e devido a isso no filme não poderiam faltar coisas que marcam os portugueses espalhados por esse e outros países. Como exemplo presente na história temos o consumo de bacalhau e o tomar o bagaço depois do café, entre outras coisas. Resumindo, é um filme português com certeza.

"A Gaiola Dourada" ofereceu momentos hilariantes e excelentes desempenhos de Maria Vieira, Joaquim de Almeida, Rita Blanco e Lannick Gautry.

"La Cage Dorée" foi realizado por Ruben Alves que é luso-francês e dedicou o filme aos seus pais, que a meu ver foi um bonito gesto. O argumento esteve a cargo de Ruben Alves, Hugo Gélin e Jean-André Yerles.

Em "A Gaiola Dourada" (filme de 2013) contamos com Rita Blanco, Joaquim de Almeida, Roland Giraud, Chantal Lauby, Barbara Cabrita, Lannick Gautry, Maria Vieira, Jacqueline Corado, Alex Alves Pereira, Jean-Pierre Martins, Sergio Da Silva, Nicole Croisille, Ruben Alves, Yann Roussel e Alice Isaaz, entre muitos outros.



5*

Sem comentários:

Enviar um comentário